segunda-feira, janeiro 01, 2007

Necronomicon - O livro dos mortos


Outro dia estava rolando uma discussão na CS a respeito de livros obscuros e acabaram citando o Necronomicon, também conhecido como “O livro dos mortos” ou ainda “Al Azif”.

Teoricamente esse livro nunca existiu. O famoso escritor de histórias fantásticas, H.P. Lovecraft criou uma certa mitologia envolvendo a maioria de seus contos e o Necronomicon foi citado em alguns deles como um dos livros mais perigosos já escritos.


Em seu conteúdo podem-se encontrar rituais para todo tipo de coisa obscura, desde coisas básicas como ressuscitar mortos e até viagens interplanetárias ou dimensionais.

Nesta mitologia, o Necronomicon foi escrito por um poeta árabe chamado Abdul Alhazed que acabou enlouquecendo depois de terminá-lo. O livro proibido, baseado em alucinações do poeta louco induzidas pela mastigação de uma certa erva alcalóide, conteria o nome de todas as entidades do Mal que dominavam a Terra antes do Homem - os nomes mortos, cuja evocação e reprodução escrita ameaçariam a humanidade.

O nome Al Azif pode ser traduzido como "O zumbido". Zumbido este referente ao som de insetos noturnos, que ele acredita ser o som de demônios.

Nas histórias de Lovecraft, o mundo foi e é habitado por criaturas inomináveis chamados “os antigos” (essa é ótima...se são inomináveis...) que são como deuses imortais que vivem entre esta realidade e outra paralela podendo ser invocados por rituais descritos no necronomicon.

O fato é que H. P. Lovecraft nunca detalhou bem o conteúdo do livro e poucas passagens do mesmo são escritas em seus contos. O escritor deixou bem claro que o livro nunca existiu e foi criação de sua mente. O próprio nome “Necronomicon”, ele diz ter imaginado num sonho.

O problema é que a vida de Lovecraft foi extremamente conturbada e insana. Seu pai foi internado quando ele tinha apenas quatro anos e faleceu no hospício. Sua mãe o criou na infância como uma menina ...Com vestido e tudo!

A progenitora acabou enlouquecendo também. Após a morte do pai, que fazia parte da maçonaria, Lovecraft teve acesso a sua biblioteca secreta que era repleta de livros proibidos pela igreja católica. Muitos acreditam que o Necronomicon era um desses livros e devido ao teor de seu conteúdo, Lovecraft preferiu que ele fosse considerado fictício.

Nesta época ele tinha apenas oito anos e foi bastante influenciado por esses livros se tornando um escritor único pelo seu estilo de obra obscura e bizarra.

Bom...Se esse livro realmente existiu o número de cópias deve ter sido ínfimo e dificilmente essas versões descaradas vendidas nas livrarias ou pela Internet são reais ou tem algum valor, pois se assim o fossem, provavelmente o mundo já teria sido envolvido e dominado pelas criaturas que habitam o universo paralelo.

Hoje, muitos livros e filmes e jogos fazem referência ao Necronomicon. Ele é o pai de todos os grimoares (livros de magia) e quem o tem em seu poder pode fazer muita besteira.

Como exemplo podemos citar o clássico filme de terror “The Evil Dead”, onde um grupo de garotos encontra o Necronomicon numa cabana abandonada que pertencia a um arqueólogo. O livro era feito de pele humana e escrito com sangue. A leitura do mesmo acaba por libertar um mal antigo que possui gradativamente todos os jovens e os leva a morte.


Lovecraft criou uma pseudobiografia do Necronomicon com datas específicas e nomes de possíveis tradutores e unidades existentes no mundo. Uma dessas traduções foi feita pelos alemães nazistas com pele e sangue de judeus. Essa nota provavelmente foi utilizada na idéia do filme “The Evil Dead”, já que a capa do livro parecia ter sido feita com pele arrancada do rosto de alguém.



Por essas e outras que o Necronomicon é tão polêmico. Como já dizia o Confúcio: uma mentira contada muitas vezes se torna verdade. Uma verdade desmentida com uma mentira se torna mentira.

Hoje quem é que pode afirmar realmente se o livro existiu ou não? O fato é que qualquer mago ou bruxa de meia tigela tem uma cópia do Necronomicon em casa e jura que é verdadeira...As outras é que são falsas!!!



Ps: A mitologia criada por H.P.Lovecraft é tão forte que hoje existem cultos aos deuses por ele criado. O mais difundido é o Culto ao Cthulhu.

Ps2 : Um famosos ocultista do passado, Aleister Crowley, aproveitou a fama do nome Necronomicon e escreveu a versão dele para dar mais vitalidade a sua “bruxaria”

Ps3: A igreja católica não quis nem saber se o livro existia ou não...incluiu logo no "Index Librorum Prohibitorum", um catálogo de livros proibidos. Desde 1966 a igreja aboliu o Index.

16 comentários:

juende disse...

huahuauua livro de pele humana é muito engraçado :D

Deby disse...

Gostei do texto Claudio!!!

Ainda bem que não sou uma bruxa de meia tigela...hehehhehehe, nem quero ter uma cópia dessa coisa.

NEYDJANE disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
ANE disse...

Caraca!!
Se realmente isto td fosse verdade,o mundo estaria mesmo perdido,com tantos "demonios" perigosos...=P
Ah sim...e um livro escrito com sangue e com capa de pele humana...realmente...nojento!!!!
=/

Mas,Claudio!!O assunto é intrigante!!!

Wesley disse...

Gostei bastante do post!!

Estou comentando tb na comunidade!!

Valeu!!!

Babi disse...

Farei como o Silvio Santos em tempos de Topa Tudo por Dinheiro: Eu só acredito... VENDO!!!

Anônimo disse...

Serah q tem alguma possibilidade d existir o "livro da vida"???

Anônimo disse...

vc poderia fazer um post sobre o rasputin queria mto saber sobre ele
abraço!

tbonepcs disse...

muito bom.. adorei..

Mônicats disse...

Uiaaaa...

Muito boa a matéria prá variar né?

Mas sabe..eu tenho muito medo disso....huahauhauhauhauahuaua

Anônimo disse...

ESTÁ DE PARABÉNS PELA MATÉRIA, é uma das melhores que já li(para não dizer a melhor).Bem eu acho que este livro talvez tenha até existido, ou até mesmo ainda exista.Agora eu acho que para alguém querer ter uma cópia desse livro, só se a pessoa for maluca como quem escreveu esse livro,(que eu acredito que existiu).E eu gostaria que vc escrevesse alguma matéria sobre exorcismo tá, valeu!!!!!!!!

Anônimo disse...

cara preciso colocar a mao nesse livro dependo dele pra juntar meu quebra cabeça, se vc sab doque tow falando...
andrideusfocusa@gmail.com

ADENILSON OLIVEIRA DE ALMEIDA disse...

ESSE LIVRO É PURA MITOLOGIA PERSA, E ESSA FOTO É DO CALL OF CTHULU - A LENDA DO CTHULU, MOTASSE PELAS TRADUÇOES QUE DETERMINADAS PALAVRAS NO LIVRO ORIGINAL NÃO TEM SENTIDO ALGUM EM OUTROS IDIOMAS É FORAM TROCADAS QUANDO ELE FOI TRADUZIDO PRO ARAMAICO E PRO LATIM, FICARAM COISAS DO TIPO OS MATERIAIS NECESSÁRIOS PRO RITUAIS SÃO DE ANIMAIS QUE NUNCA EXISTIRAM E QUE SE ENCONTRAM EM LUGAR ALGUM E NUMA QUE QUANTIDADE/MEDIDA QUE NÃO SE TEM REGISTRO. ESSE LIVRO FOI MUITO DIFUNDIDO NA CULTURA ÁRABE ANTIGA ERA COMO A CABALA JUDAICA, UM LIVRO DE CONHECIMENTO NECESSÁRIO. EXISTEM CÓPIAS A VENDA ATÉ HJ Q CHEGAM A INS 15 DOLARES EM EDUÇÃO DE LUXO CAPA DURA E AS ILUSTRAÇÕES ORIGINAIS. NUNCA CHEGEI A PRATICAR O CONTEÚDO EXATAMENTE TAMBÉM POR Q ELE FOI DEDICADO AO PRIMOGÊNITO DO AL AZIF (POR CAUSA DA GANANCIA E INVEJA DO SEU SEGUNDO FILHO ELE NAO FOI ALTORIZADO A USAR O LIVRO MAS ACABOU USANDO E ... VÃO ATRAS PRA SABER O QUE HOUVE COM ELE), PORTANTO SÓ OS PRIMOGÊNITOS PODERAM TER RESULTADOS SATISFATÓRIOS DESSES LIVRO (DIZENDO A HISTÓRIA).

MAIS INFORMAÇÕES E COISAS DO TIPO PODE SER ENCONTRADO EM :

http://www.esotericarchives.com/

SITE OFICIAL AMERICANO DESSE TIPO DE ASSUNTO. COM DOWNLOAD DE TODO O CONTEÚDO...

VALEU...

carol disse...

Olha, para quem não acredita no necronomicon é melhor ficar sem acreditar,e quem acredita continue acreditando pois esse livro existe sim. E não que eu tenha "O livro" mas tenho um fragmento dele que muito dificilmente consegui. E vou logo dizendo, eu que sou uma estudante de "coisas ocultas" achei esse fragmento o mais tenebroso que já li, pois ele lida com rituais e conjurações verídicas. Até a bíblia satânica que tbm já li, não contém esses tipos de rituais.
Estão incluídos no conteúdo desse livro desde nomes infernais, poções, pós mágicos, adagas, signos de voor e etc..
Quem tiver afim de ler enytre em contato. Carol_sn@oi.com.br

Vlw...

Gostei da postagem!

Anônimo disse...

Porra historia chata

Anônimo disse...

De mortuis et in veritate sit amet magna et virtute continet totam aestatem appareat :)